Box "Up All Night With Prince" resgata a produção musical do artista no começo do milênio

18.06.2020 | 12h00
Marina Martini Lopes
Por Marina Martini Lopes
Editora
Muitas das faixas que fazem parte da nova coletânea são canções menos conhecidas de Prince

BLOG

Mundo Itapema

Coletânea reúne um álbum de estúdio, três discos ao vivo e um DVD

Na virada do milênio, entre os anos 2000 e 2002, Prince viveu um dos momentos mais conturbados de sua vida pessoal: passou pela perda do pai, se divorciou, casou-se novamente (e em segredo), tornou-se religioso, e se envolveu em polêmicas ao defender o então disruptivo Napster contra a infraestrtutura da indústria musical tradicional. Com tudo isso, a música feita pelo artista nesse período parece ter ficado em segundo plano - e, agora, um novo relançamento busca corrigir isso.

Up All Night With Prince: The One Nite Alone Collection reúne o álbum de 2002 One Nite Alone...; o ao vivo duplo One Nite Alone... live!; o disco One Nite Alone, The Aftershow: It Ain't Over; e o DVD Live at the Aladdin Las Vegas. O box é arranjado por, digamos assim, intensidade: começa com o intimista One Nite Alone... e cresce até o Live at the Aladdin, cheio de jams colaborativas. O material foi lançado pela primeira vez nos anos 2000, por meio do NPG Music Club, site que Prince lançou para compartilhar suas músicas com os fãs após uma batalha judicial contra a Warner Bros.

Muitas das faixas que fazem parte da nova coletânea (Have a Heart, Objects in the Mirror, um cover de A Case of U, de Joni Mitchell) são canções menos conhecidas de Prince, como as baladas voz e piano de One Nite Alone.... A música Avalanche fala sobre racismo e sobre como a indústria musical explora os artistas negros - um tema que infelizmente permanece atual em 2020.

Matérias Relacionadas