Carla Bruni participa do "Conversa com Bial" e fala sobre paixão pela bossa nova

13.11.2020 | 10h59
Marina Martini Lopes
Por Marina Martini Lopes
Editora
O trabalho mais recente de Carla Bruni foi todo gravado durante o isolamento social causado pela pandemia de coronavírus

BLOG

Mundo Itapema

A cantora lançou seu novo álbum no último mês de outubro

A cantora Carla Bruni participou do programa de entrevistas Conversa Com Bial na madrugada desta quinta (12) para sexta-feira (13): de sua casa em Paris, ela conversou com o jornalista sobre seu novo disco homônimo, lançado em outubro deste ano, e sua admiração pela música brasileira.

Segundo Bruni, a bossa nova é "sofisticada e calorosa", além de ser cantada exatamente do jeito como ela gosta: "O que eu mais gosto na bossa nova é o contraste entre os acordes extremamente sofisticados e a gentileza e doçura no jeito como os cantores usam a voz", explicou. "É muito difícil de tocar; não é nem de longe uma música simples."

A artista disse que teve seu primeiro contato com o estilo musical ouvindo as canções de João Gilberto. Em 2019, Carla Bruni participou de uma versão de Insensatez, clássico de Vinicius de Moraes, ao lado de Mart'nália: a nova versão ganhou o nome de Insensatez (Quelle Grande Sottise). "Ela simplesmente me convidou, e me senti tão honrada que aceitei na hora", disse Bruni no Conversa Com Bial. "Foi simples assim."

O trabalho mais recente da cantora italiana foi todo gravado durante o isolamento social causado pela pandemia de coronavírus - e é trilíngue, com canções em italiano, francês e inglês. "Tenho mais facilidade para compor em francês, mas as músicas que compus em italiano e inglês foram bem fáceis, criadas de forma espontânea", disse Bruni. Como costuma acontecer em seus álbuns, o tema principal é o amor - como no caso da faixa Your Lady, que descreve um amor impossível. "Não é muito bom viver um amor impossível, mas é uma ótima inspiração para compor", riu a artista.

Além de cantora, Carla Bruni é modelo, e já foi primeira-dama da França: ela é casada desde 2008 com o ex-presidente do país, Nicolas Sarcozy. Na entrevista com Pedro Bial, ela explicou que, apesar disso, não é muito ligada em política. "Não é que eu não me interesse, mas eu sou uma sonhadora", explicou. "A realidade não é a minha coisa favorita, e a política está muito ligada à realidade."

Matérias Relacionadas