"Cidade Invisível": começam as gravações de série da Netflix sobre folclore brasileiro

30.09.2019 | 08h30
Anna Rios
Por Anna Rios
Primeira foto de "Cidade Invisível" mostra Marco Pigossi (E) como detetive Eric

BLOG

Universo Compartilhado

Drama tem no elenco atores globais Marco Pigossi e Alessandra Negrini

Por GaúchaZH

Mais uma série brasileira vem aí na Netflix. Começou a ser gravada nesta semana, em São Paulo e no Rio de Janeiro, Cidade Invisível, seriado criado por Carlos Saldanha, diretor indicado duas vezes ao Oscar e conhecido pelos filmes de animação A Era do Gelo, Rio e O Touro Ferdinando.

A série trará um olhar mais atual sobre as histórias contadas no folclore brasileiro. No elenco, atores globais como Marco Pigossi e Alessandra Negrini. 

De acordo com a sinopse divulgada pela Netflix, o seriado vai acompanhar a história de Eric, um detetive da Delegacia de Polícia Ambiental (interpretado por Pigossi). Após encontrar um estranho animal morto em uma praia carioca, o policial se envolve em uma investigação de assassinato e descobre um mundo habitado por entidades míticas normalmente invisíveis aos seres humanos. Alessandra Negrini será Inês, dona de uma casa noturna que é muito mais do que aparenta.

Cidade Invisível é produzida por Beto Gauss e Francesco Civita, com Caito Ortiz , Maresa Pullman e Marco Anton também assinando a produção executiva. Mirna Nogueira é a roteirista-chefe. A série é dirigida por Julia Jordão, com direção-geral de Luis Carone. 

O lançamento será em 2020, ainda sem data confirmada pela Netflix.

 

Matérias Relacionadas