Episódio final de "Arrow" será exibido no início de fevereiro no Warner Channel

29.01.2020 | 08h45 - Atualizada em: 29.01.2020 | 09h21
Por Folhapress
Stephen Amell como Arqueiro Verde

BLOG

Universo Compartilhado

Após oito temporadas, série sobre Arqueiro Verde termina

A série "Arrow" chega ao final no dia 9 de fevereiro. O último episódio da produção será exibido às 22h20, na Warner Channel. Essa é a oitava temporada da produção. 

Já foi revelado que é neste episódio que a atriz Emily Bett Rickards, que interpreta Felicity Smoak, retornará à série para o último episódio. A revelação foi feita pelo ator Stephen Amell, que havia sentido muito a saída da atriz da produção. 

Amell, no entanto, comemora o fato da série ter sido bem-sucedida ao ponto de deixar um legado na TV, como os derivados "The Flash" e "Supergirl". O diretor James Bramford concorda, e diz que a série foi responsável pelo renascimento dos programas de super-heróis. "Vejo todas essas atrações de super-heróis que surgiram depois e sinto como se tivéssemos iniciado isso. É incrível."

"Provamos o conceito de que é possível fazer uma série de super-herói na TV e conseguir que funcione", concorda Amel, citando os spin-offs "The Flash", "Legends", Supergirl" e "Black Lightning", além de "Iron Fist", "Jessica Jones" e "The Defenders". "Agora há muito mais séries como a nossa na televisão. Não vai durar para sempre, mas fico contente por termos chegado primeiro."   

Em mais de sete anos, o diretor fala que foi criada uma relação forte entre elenco e equipe e recorda que estava gravando uma cena bastante complicada da segunda temporada, quando sua mulher entrou em trabalho de parto. "Tive que falar pros dublês 'acertem este, porque minha esposa está em trabalho de parto e eu tenho que ir. Não estrague tudo!', aí a cena foi perfeita." 

Com o término da série, Harkavy afirma que não sentirá falta das três horas de maquiagem que sua personagem exige, mas não revela muito de novos projetos. Já Amell, que é canadense, afirma que vai aproveitar o tempo livre para se estabelecer em Los Angeles, onde já tem uma casa, e conseguir sua cidadania americana.

Matérias Relacionadas