"House of the Dragon", série derivada de "Game of Thrones", vai estrear em 2022

17.01.2020 | 12h30 - Atualizada em: 20.01.2020 | 08h22
Por Folhapress
Série mostrará antepassados de Daenerys Targaryen, de "Game of Thrones"

BLOG

Universo Compartilhado

Produção terá 10 episódios e será centrada na casa da família Targaryen

House of the Dragon, série derivada de Game of Thrones, será lançada em 2022 pela HBO, segundo anunciou o site Deadline. A produção terá 10 episódios e será centrada na casa da família Targaryen.

A série é uma cocriação de George R.R. Martin e Ryan Condal. Miguel Sapochnik se unirá a Condal como showrunner e dirigirá o piloto. Condal ficará a cargo do roteiro, que é inspirado no livro Fogo e Sangue, de Martin. A história se desenrola 300 anos antes dos eventos narrados em Game of Thrones. "Para mim, no momento, acho que colocar House of the Dragon no ar será a prioridade número um",  disse Casey Bloys, presidente de programação da HBO. 

House of the Dragon é a primeira produção inspirada no universo de Game Of Thrones a receber sinal verde. Outra série derivada, com título provisório de A Longa Noite, que seria estrelada por Naomi Watts, foi cancelada. A produção chegou a ter um piloto gravado, mas não foi para frente. Essa série iria se passar 8 mil anos antes dos acontecimentos de GoT e mostraria os primeiros confrontos entre humanos e caminhantes brancos.

A série era um projeto de Jane Goldman com Max Borenstein, Brian Helgeland e Carly  Wray. Temas de interesse dos fãs de Game of Thrones, como os segredos da Casa Stark e a origem dos white walkers, seriam abordados na série.

"No desenvolvimento de projetos-piloto, às vezes, as coisas dão certo e, às vezes, não", afirmou Bloys. "O trabalho de Jane foi incrivelmente criativo, porque ele se passaria 8 mil anos dos fatos já contados em Game of Thrones. Era algo grande. Já o House of Dragon é baseado em um livro, o que já dá um roteiro a ser seguido", concluiu o diretor.

Matérias Relacionadas