"Manifest": sensação nos EUA, série sobre desaparecimento de avião que lembra "Lost" chega ao Brasil

08.10.2019 | 17h25 - Atualizada em: 09.10.2019 | 08h34
Por Anna Rios
Josh Dallas, de "Once Upon a Time", é um dos protagonistas de "Manifest"

BLOG

Universo Compartilhado

Seriado já está no catálogo do Globoplay

Por GaúchaZH

Exibida entre setembro do ano passado e fevereiro deste ano nos Estados Unidos, Manifest chegou em caráter inédito ao Brasil no último fim de semana. O seriado dramático entra para o catálogo do Globoplay e, até agora, segue vivo nas redes sociais por elementos que recordam Lost, que mostrava um grupo de sobreviventes da queda de um avião em uma ilha deserta.

As semelhanças são tão grandes que, na TV norte-americana, isso foi revertido em audiência. Manifest foi a série dramática estreante mais vista por lá, com uma média de 6,56 milhões de espectadores por episódio. Somente o primeiro capítulo, no ano passado, registrou 10,4 milhões.

Com uma segunda temporada já garantida para 2020, a série explora o mesmo cenário do desaparecimento do voo 370 da Malaysia Airlines, em 2014, na rota entre Kuala Lumpur e Pequim. Naquela linha, estavam 239 pessoas e até hoje não há respostas sobre o que de fato aconteceu.

Na produção norte-americana, um voo com 191 pessoas some e reaparece depois de cinco anos. Nele, estão a policial Michaela (Melissa Roxburgh) e o professor Ben (Josh Dallas), que são irmãos e resolvem investigar os reflexos do retorno dos outros passageiros à vida real. Ao chegarem em suas casas, muitos casais foram desfeitos e os parentes tomaram seus rumos.

Assista ao trailer de Manifest:

Para completar, os viajantes escutam vozes que lhe dão ordens e, por isso, a dupla protagonista passa a estudar cada caso. No primeiro ano, Manifest é composta por 16 episódios. O seriado ainda pode render muitas temporadas, já que são quase 200 pessoas dentro da aeronave.

A parte técnica também é um dos aspectos que contam pontos a favor. A direção do material é de David Frankel, de longas como Marley e Eu e O Diabo Veste Prada, enquanto a produção é assinada por Robert Zemeckis, diretor de De Volta para o Futuro. Para completar, a história foi criada por Jeff Rake  (produtor de Bones) e é protagonizada por Melissa Roxburgh (de Valor) e Josh Dallas (Once Upon a Time).

Matérias Relacionadas