"Os Ausentes", série brasileira da HBO Max, mostra busca por desaparecidos

29.07.2021 | 13h35 - Atualizada em: 30.07.2021 | 08h34
Por Folhapress

BLOG

Universo Compartilhado

Série teve estreia no dia 22 de julho e já está disponível na plataforma

A cada hora, oito pessoas desaparecem no Brasil, duas delas só em São Paulo. Esses dados chamaram a atenção do criador e roteirista Thiago Luciano que decidiu abordar essa angustiante realidade de dor e incertezas na série "Os Ausentes".

Trata-se da primeira série brasileira Max Original da HBO Max. A investigativa possui dez episódios de 45 minutos. 

O drama acompanha dois detetives, Maria Julia e Raul, e sua rotina na agência de investigação Ausentes, que busca por desaparecidos. Na trama, após o desaparecimento da filha Sofia, o ex-delegado Raul Fagnani resolve abrir a agência para poder agir no submundo de São Paulo. A agência é utilizada por pessoas que não podem ou não querem recorrer à polícia para achar seus entes queridos. 

"O Raul é um cara durão e atormentado por uma tragédia pessoal. O trabalho o ajuda a se curar. Imagina alguém se perder na imensidão de 12 milhões de pessoas", diz Erom Cordeiro, cujo personagem usará da agência para tentar resolver seu próprio conflito.

Criador e roteirista da série, Thiago Luciano diz que a ideia desde o começo era encontrar um tema que motivasse a contar uma história sobre o Brasil. "Saber como é difícil conviver com gigantesco ponto de interrogação. Quando vimos os números nos assustamos. Só em São Paulo, duas pessoas desaparecem a cada hora", afirma.

Embora os números sejam alarmantes, ele diz que ainda é complicado ter um balanço oficial de casos no país. Mas existe um painel informal cujos índices, de acordo com ele, chegam próximos dos 50 mil casos no país. Os motivos para esses sumiços podem ser os mais diversos: prostituição, tráfico de órgãos ou brigas em família.

"Os Ausentes" está disponível para toda a América Latina com traduções em espanhol e em inglês. 

Leia também

Matérias Relacionadas