"Revival" de Stephen King será adaptado para as telas

19.05.2020 | 08h16 - Atualizada em: 03.06.2020 | 09h38
Leonardo Souza
Por Leonardo Souza
SK01 imagem divulgação

BLOG

Universo Compartilhado

"Revival", o 55º romance de Stephen King, que traz à vida um conto que poderia ser chamado de "o moderno Frankenstein", em breve será adaptado para as telas pelo diretor Mike Flanagan.

A história acompanha Jamie Morton, um garoto que passa a auxiliar o reverendo Charles Jacobs em sua obra na igreja, unidos por uma obsessão secreta. Mas a parceria chega ao fim após Jacobs ser banido da cidade. Anos depois a dupla se reencontra, quando Morton vive uma vida de rockstar com sua banda. Morton então descobre que Jacobs pode curá-lo de seu vício em heroína usando um tratamento elétrico não ortodoxo. Infelizmente, este tratamento tem alguns efeitos colaterais perturbadores.

Charles Jacobs é, de várias maneiras, um personagem de King que os leitores já viram antes. Suas ações são estranhamente reminiscentes de "Cemitério Maldito", enquanto a obsessão louca lembra "Frankenstein", que King faz referência abertamente. O escritor começa o romance com um reverendo em uma pequena cidade do Maine, onde faz experimentos com eletricidade, porque sente que o raio é uma analogia com o divino. No entanto, depois que sua família é morta em um acidente de carro, o personagem perde totalmente a fé e busca a eletricidade como a "base de toda a vida", obcecado pelo acidente com a esposa e o filho.

"Revival" tem uma mensagem semelhante à de Frankenstein, de Shelley: que ninguém pode enganar a morte e, as consequências por tentar, podem ser terríveis. Será interessante ver como Mike Flanagan vai lidar com o material de origem e com que intensidade ele irá adaptar o livro de Stephen King no processo.

Existem mais livros de King que ainda podem ser adaptados do que a maioria dos fãs provavelmente imagina, já que o autor é tão prolífico que já escreveu mais de 60 romances e literalmente centenas de contos. Embora King tenha agora 72 anos, ele não mostra sinais de que vai desacelerar, dando provas disso com o lançamento de dois romances em 2018, outro em 2019 e, recentemente, a coleção 2020 de quatro romances chamados "If It Bleeds". Atualmente, King também está trabalhando em um romance que deve ser lançado em 2021, mas os planos podem mudar devido ao Coronavírus.

Em breve entrevista pata a TV americana NBC, Stephen King comentou sobre o livro "Revival", confira abaixo e acesse as legendas do YouTube.

Matérias Relacionadas