U2: gravação ao vivo mais antiga da banda é descoberta por fansite

Marina Martini Lopes
Por Marina Martini Lopes
Editora
A banda U2 no começo da carreira, nos anos 1970

BLOG

Mundo Itapema

O registro foi feito em 1979, antes mesmo de o grupo lançar suas primeiras músicas

Fãs do U2 descobriram o que se acredita ser a gravação mais antiga de um show ao vivo da banda: o registro foi feito em agosto de 1979, no Dandelion Market, em Dublin, quando os integrantes ainda eram adolescentes - e artistas praticamente desconhecidos, lutando para estourar no mundo da música. Na época, o U2 ainda não havia lançado nenhum álbum, e nem tocado fora da Irlanda, seu país natal.

A gravação foi feita por Pete McCluskey, guitarrista da banda The Stougers, que se apresentou na mesma ocasião. A fita ficou acumulando pó até agora, quando foi redescoberta com a ajuda do fansite @U2. Antes disso, o registro ao vivo mais antigo da banda do grupo era uma performance no Cork Opera House, em outubro do mesmo ano. "Eu estou muito feliz por ter gravado o show", declarou McCluskey, segundo o @U2. "Eu não havia percebido a relevância dessa gravação, ou sua importância na história da música, até recentemente."

O fansite também destaca que duas músicas incluídas no setlist daquela noite - In Your Hand e Concentration Camp - jamais foram gravadas oficialmente pelo U2, e nem tocadas em apresentações posteriores aos primeiros anos da banda.

Ouça alguns trechos:

Recentemente, o U2 anunciou que seus álbuns The Unforgettable Fire (1984) e How to Dismantle an Atomic Bomb (2004) serão relançados em vinil colorido pela gravadora da própria banda, a Island. Os dois vêm com livretos de 16 páginas, incluindo as letras de cada canção. The Unforgettable Fire foi o primeiro disco do grupo a ser produzido por Brian Eno e Daniel Lanois, que se tornariam colaboradores frequentes do U2, e inclui a clássica Pride (In The Name of Love). How to Dismantle an Atomic Bomb conta com o hit Vertigo.

Matérias Relacionadas