Veja o Trailer do documentário 'Miles Davis - Birth Of The Cool'

31.07.2019 | 14h48 - Atualizada em: 01.08.2019 | 07h56
Leo Almeida
Por Leo Almeida
MDAVISTRAIL

BLOG

Giramundo

Santana, Herbie Hancock, Quincy Jones e Ron Carter, estão entre os colaboradores do documentário sobre o genial Miles Davis.

O filme sobre um dos artistas mais inovadores da música, dirigido por Stanley Nelson, é lançado pela Abramorama e pela Eagle Rock Entertainment. Ele será exibido no Film Forum em Nova York em 23 de agosto e no Landmark em Los Angeles em 30 de agosto. As exibições em outras cidades dos EUA começarão em setembro.

MDATRADOCFoto: divulgação

'Miles Davis - Birth Of The Cool' já foi exibido no primeiro semestre de 2019 em outros festivais de cinema nos EUA, incluindo Miami, Cleveland, Atlanta e Seattle, além de Lisboa, Cracóvia, Sydney e Munique.

O trailer mostra um trecho do filme, que parte da progressão da carreira de Davis, desde os anos de 'bebop', até se estabeler como músico inovador e revolucionário que foi. O ator Carl Lumby narra passagens da autobiografia de Davis de 1989, fazendo-nos confidências sobre a vida do músico vaidoso e rebelde. O documentário também apresenta novas entrevistas com os colaboradores Herbie Hancock, Quincy Jones e Ron Carter e admiradores como Carlos Santana, bem como a primeira esposa do trompetista, Frances Taylor Davis.

Em comunicado, o diretor Stanley Nelson revelou mais detalhes: "A história de Miles Davis tem sido frequentemente contada como a história de um gênio viciado em drogas. Você raramente vê um retrato de um homem que trabalhou duro para aperfeiçoar seu ofício, um homem que estudou e entendeu profundamente a música clássica. Um homem elegante que podia interpretar baladas com tanta ternura, mas ainda mantinha a raiva em seu coração pelo racismo que enfrentou ao longo da vida.

Miles era um homem à parte - na vida, no amor, na música - e não houve um grande documentário sobre esse homem que nunca olhou para trás, raramente pediu desculpas e mudou tudo o que pensávamos que sabíamos sobre jazz e sobre música."

Matérias Relacionadas