Série de "O Senhor dos Anéis" vai custar US$ 465 milhões por temporada

19.04.2021 | 14h13
Folhapress
Por Folhapress
O Senhor do Anéis

BLOG

Universo Compartilhado

Seriado inspirado nos livros de J.R.R Tolkien ainda não tem data de estreia

A primeira temporada do programa de televisão inspirado nos livros de J.R.R. Tolkien, autor de O Senhor dos Anéis, vai custar US$ 465 milhões (R$ 2,5 bilhões). A informação foi confirmada com a Amazon Stutios pelo site Hollywood Reporter.

O ministro de Ministro de Desenvolvimento Econômico e Turismo da Nova Zelândia, Stuart Nash, disse ao Morning Report que a Amazon vai gastar cerca de US $ 650 milhões (R$ 3,6 bilhões) apenas na primeira temporada. "Isso é fantástico, realmente é, esta será a maior série de televisão já feita", afirmou.

Os números foram divulgados como parte da Lei de Informações Oficiais do governo da Nova Zelândia e inicialmente divulgados pelo site Outlet Stuff, da Nova Zelândia. O plano do estúdio é filmar cinco temporadas no país e possíveis séries de spin-offs.

O preço impressionante não reflete apenas o custo de produção da temporada. Os direitos da propriedade de J.R.R. Tolkien custam cerca de US $ 250 milhões (R$ 1,4 bilhão), além dos custos iniciais com cenários, fantasias e adereços que serão usados ao longo da série. A Amazon adquiriu os direitos da franquia da Terra Média em 2017. No início, estimou-se que o programa poderia acabar se tornando o primeiro programa de TV do mundo a custar US $ 1 bilhão, após considerar o acordo de direitos, produção e marketing por várias temporadas.

Para se ter uma ideia, a série mais cara até hoje, Game of Thrones, da HBO, custou aproximadamente US$ 100 milhões (R$ 558 milhões) por ano produzido. O drama épico da nova série se passa milhares de anos antes dos eventos de O Hobbit e O Senhor dos Anéis, e levará os espectadores de volta a uma era em que grandes poderes foram forjados, reinos chegaram à glória e caíram e heróis foram testados.

Matérias Relacionadas